• Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Só restam 10 cidades sem COVID-19 em Minas Gerais

Redação21 de setembro de 20204min0
20200921114300991876i
Municípios somam pouco mais 40 mil habitantes, 0,2% da população de Minas
Dos 853 municípios de Minas Gerais, 843 (quase 99%) já registraram casos de COVID-19. Em apenas 10 a doença não chegou. O levantamento é da Secretaria de Estado de Saúde, divulgado nesta segunda-feira.
As comunidades somam pouco mais de 40 mil habitantes, o que corresponde a 0,2% da população mineira. Veja quais são os municípios e a população atual segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE):
 
Aracitaba – 2.063
Botumirim – 6.319
Camacho – 2.901
Cedro do Abaeté – 1.164
Coronel Murta – 9.222
Pedro Teixeira – 1.807
Queluzito – 1.939
Santana do Garambéu – 2.458
São Thomé das Letras – 7.089

Veredinha – 5.720

Um dos municípios que ainda estão livres do coronavírus é Cedro do Abaeté, segundo menor do estado, com 1.164 habitantes. Na cidade, praticamente todos se conhecem, segundo a secretária Municipal de Saúde, Cássia Maria dos Santos. Desde o início da pandemia, a prefeitura distribuiu máscaras para a população, colocou totens com álcool em gel em espaços públicos. Um funcionário percorre a cidade de bicicleta com uma caixa de som transmitindo orientações para evitar o coronavírus. “Nossa cidade é muito pequena, é esse falar de porta em porta mesmo, pedindo e conversando. Eles estão ficando em casa mesmo, usando máscaras. Fazemos nossa parte”, comenta.

O maior município da região é Abaeté, a 35 quilômetros de Cedro. Ele é referência para atendimentos hospitalares mais complexos. A pequena cidade conta com uma policlínica e uma equipe do Programa Saúde da Família (PSF). Também há uma enfermeira de plantão à noite e durante a madrugada para prestar atendimento aos moradores. Em relação à COVID-19, foi montado um quarto na policlínica para isolar pacientes com sintomas até a transferência.

Além disso, segundo Cássia Maria dos Santos, por meio do decreto de emergência, a prefeitura adquiriu testes com recursos próprios para testar a população.

Segundo ela, 70% da população da comunidade é de idosos, um dos grupos de maior risco de desenvolver a forma grave da doença. Assim, as pessoas estão com medo e mantêm o rigor nas medidas. “Até agentes de saúde que vão visitar têm dificuldade”, comentou, detalhando que os moradores estão resistentes a receber outras em casa. “Tivemos dois casos suspeitos e ficou um ‘rebuliço’”, disse.

Números do estado

Minas tem hoje 271.194 casos de COVID-19 e 6.727 mortes. Foram 1.141 confirmações nas últimas 24 horas. Já o número de óbitos confirmados de ontem para hoje foi de 13. O menor até o momento foi na segunda-feira passada, com 10 óbitos, o que pode ter relação com a falta de equipes nos municípios para atualizar os dados aos domingos. Ainda segundo o boletim, são 237.429 casos recuperados e outros 27.038 em acompanhamento.

Fonte: Estado de Minas

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *