Faleceu José Sales, importante educador e líder de Muzambinho.

Redação24 de novembro de 202123min0
JoseSales
Otávio Sales, seu filho escreveu em seu perfil: acaba de morrer aos 79 anos. Foi um homem querido nessa cidade.

José Sales de Magalhães, falece aos 79 anos.

José Sales de Magalhães Filho nasceu em Muzambinho, na Zona Rural, divisa com Tapiratiba – SP, no bairro rural do Campestre, localidade Lagoa, provavelmente aos 18 de março de 1942, tendo sido registrado como nascido em 28 de dezembro de 1941, portanto, oficialmente completando 79 anos hoje. Filho do funcionário público fiscal de barreiras José Sales de Magalhães e de dona Brasilina Pereira Sales, ambos de Muzambinho, sendo o primeiro sobrinho bisneto do fundador de Muzambinho Pedro de Alcântara Magalhães e a segunda da família Pereira do bairro Brumado.

José Sales se casou no religioso aos 6 de janeiro de 1978, na basílica de Aparecida – SP, e no civil aos 7 de janeiro de 1978, na cidade de Socorro – SP, onde residia sua esposa, a Professora Josefina Camargo Sales de Magalhães, natural de Botucatu – SP, nascida aos 10 de dezembro de 1944, filha do oficial de cartório Diderot Camargo e de dona Josefina Pimentel Camargo. A professora Josefina residia em Socorro – SP e na época era professora nas cidades de Lindóia – SP e Águas de Lindóia – SP. Josefina tinha o Curso Colegial de Formação de Professores Primários pelo Instituto de Educação Cardoso de Almeida de Socorro – SP e pelo Instituto de Educação Estadual “Cásper Líbero” de Bragança Paulista – SP concluído em 1968 e a Licenciatura em Ciências – 1º Grau pela Faculdade de Ciências e Letras de Bragança Paulista – SP, concluída em 1970 e conheceu José na Licenciatura Plena em Pedagogia – Habilitação em Ensino das Disciplinas Educativas do Curso Normal e Administração Escolar, feitos pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Guaxupé – MG, onde ambos cursaram juntos em 1972 e 1973.

José e Josefina tiveram três filhos, Otávio Luciano Camargo Sales de Magalhães, professor, nascido em 11 de outubro de 1978 em Bragança Paulista – SP; Fábia Cristina Camargo Sales de Magalhães, advogada, nascida em 11 de setembro de 1982 em Muzambinho – MG; e Paula Marize Camargo Sales de Magalhães, advogada, nascida em 29 de janeiro de 1984 em Muzambinho – MG. Fábia é casada com o Dr. João Eduardo Mello de Almeida, engenheiro agrônomos nascido em 3 de junho de 1982 em Mococa – SP, e tem como filhos Vitor Magalhães Almeida, nascido em 3 de setembro de 2009 em Muzambinho – MG e Lara Magalhães de Almeida, nascida em 28 de fevereiro de 2014, em Palmas – TO. Paula é casada com Clóvis Faustino Serrão, profissional da computação, nascido em 7 de setembro de 1979 em São Paulo – SP e tem como filhos Artur Magalhães Serrão, nascido em 9 de fevereiro de 2014, em São Paulo – SP.

São irmãos de José, dona Maria Pereira de Magalhães, falecida; Djalma Pereira de Magalhães, falecido; dona Marina Clarisse da Silveira Magalhães, falecida, viúva de João Dracena da Silveira; professor Antônio Pereira Magalhães, falecido, casado com Milva Signoretti Magalhães; professora Geralda Pereira Magalhães Pioli, casada com José Pioli; Miguel Pereira de Magalhães, falecido, casado com Rosemi Cimo Pezzo Magalhães; doutor Francisco Sales de Magalhães, casado em segundas núpcias com Michele Francine da Silva Magalhães; engenheiro João Baptista Magalhães, falecido, casado com Maria de Fátima Oliveira Antunes Magalhães; dona Maria de Fátima Magalhães Lima, casada com Sílvio Belmiro Lima e dona Conceição Aparecida Magalhães Rodrigues. José é o 5º filho.

José Sales residiu em várias cidades acompanhando seus pais, tendo ficado mais tempo em Varginha (1 ano) e em Lavras (5 anos), sendo essa cidade terra natal de dois de seus irmãos. Também residiu por período muito rápido em São José da Barra – MG e São Simão – GO. A maior parte do tempo residiu em Muzambinho, com período de meses onde precisou lecionar em Alterosa – MG e Campinas – SP.

Fez o curso primário no Grupo Escola Firmino Costa em Lavras – MG, sendo aprovado no Exame de Admissão em 1956 no Colégio Nossa Senhora da Aparecida em Lavras – MG. O Curso Ginasial cursou de 1958 a 1961 no Colégio Estadual de Muzambinho, atual Escola Estadual Prof. Salatiel de Almeida, tendo as disciplinas de Português, Latim, Francês, Inglês, Matemática, Ciências Naturais, História Geral, História do Brasil, Geografia, Trabalhos Manuais, Desenho e Canto Orfeônico. Nessa época que pegou o gosto pelas Letras a partir das aulas do prof. João Marques de Vasconcelos.

Fez o Curso Clássico no Colégio Estadual de Muzambinho entre 1962 e 1964, com as disciplinas de Português, Latim, Francês, Inglês, Espanhol, História, Geografia, Filosofia e Literatura. Fez o Curso de Suficiência CADES de Português em 1965 na Inspetoria Seccional de Guaxupé – SP, onde passou a ter autorização para lecionar o idioma.

Entre 1965 e 1968 fez a Licenciatura Plena em Letras – Português / Inglês, na segunda turma da Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Guaxupé – MG, onde teve contato com Cassiano Ricardo, Menotti Del Picchia, Lígia Fagundes Telles e José Geraldo de Almeida como professores de pequenos cursos ou palestras. Em 1968 recebeu autorização para lecionar Português como habilitado da Inspetoria Seccional de Guaxupé.

Em 1972 e 1973 fez a Licenciatura Plena em Pedagogia – Habilitação em Ensino das Disciplinas Educativas do Curso Normal e Administração Escolar na Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Guaxupé – MG, onde conheceu dona Josefina. Em 1974 fez a Especialização em Comunicação e Expressão em Língua Portuguesa, de 180 horas, na Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Guaxupé – MG. Em 1996 voltou a estudar fazendo Pós Graduação Lato Sensu em Metodologia do Ensino de Português, 360 horas, pelas Faculdades Claretianas de Batatais, com o prof. Juscelino Pernambuco. Fez um curso por correspondência de Inglês pela Universidade de Salt Lake City, Estados Unidos na década de 70.

José Sales foi professor de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira nos Ensinos Fundamental e Médio na Escola Estadual Prof. Salatiel de Almeida entre 1961 e 1963 e depois entre 1965 e 2002, tendo também lecionado Língua Inglesa (1965 a 1970, 1975 e 1976), Educação Moral e Cívica (1970 a 1974), Latim (1966 e 1967) e Francês (1974). Se efetivou no 1º cargo em 1º de fevereiro de 1979 e no 2º cargo em 31 de maio de 1987. Também lecionou entre 1961 e 1963 no Juvenato Franciscano Nossa Senhora da Aparecida, em Muzambinho – MG, no curso de Seminário. Foi professor de Inglês da Escola Municipal Dr. José Januário de Magalhães no primeiro ano de seu funcionamento em 1965, retornando para lecionar na escola entre 1975 e 1976. Aposentou-se do 1º cargo em 31 de maio de 1991 e no 2º cargo em 31 de outubro de 2002.

José Sales foi o segundo diretor do Ginásio Moderno de Monte Belo – MG, atual Escola Estadual Frei Levino, de 1º de agosto de 1971 até 31 de dezembro de 1972. Foi ainda diretor da Escola Municipal Dr. José Januário de Magalhães, de 1º de abril a 30 de junho de 1977, essa escola também foi dirigida por sua esposa Josefina e pelo seu filho Otávio.

Foi membro da diretoria da Escola Mobral de Muzambinho (EMOB) em 1975 e 1976 e Coordenador Municipal do MEC em Muzambinho em 1983. Foi um dos principais fundadores da Escola Superior de Educação Física e da Fundação Educacional de Muzambinho, em 1971, tendo ocupado cargos em sua diretoria por muitos anos. Foi um dos fundadores da Academia Muzambinhense de Letras em 2010.

Foi vereador de 1977 a 1988 e vice-prefeito de 1989 a 1992. Foi eleito em 15 de novembro de 1976 como o vereador mais votado, sendo até então a segunda maior votação da História, com 481 votos, pela Aliança Renovadora Nacional – ARENA, único partido viável existente no município naquele ano. No primeiro mandato, com eleições anuais para presidência, foi presidente em 1977, 1981 e 1982. Em 15 de novembro de 1982 foi reeleito com 251 votos pelo Partido Democrático Social – PDS, tendo sido eleito presidente da Câmara para o biênio de 1983 e 1984.

Em 15 de novembro de 1988 foi eleito vice-prefeito pelo Partido Socialista Brasileiro – PSB, tendo obtido 3.865 votos, sendo o titular o médico Marco Régis de Almeida Lima, que posteriormente viria a ser deputado estadual entre 1995 e 2002. Ocupou em 1992 a interinidade como prefeito nos meses de fevereiro e março. Se candidatou a prefeito em 1992, perdendo para José Ubaldo de Almeida; tentou ser candidato a vice-prefeito de Ivan Antônio de Freitas em 2004, tendo perdido para Marco Régis de Almeida Lima.

Foi filiado na ARENA/PSD de 1976 a 1988. Esteve no PSB de 1988 a 1990 sempre como vice-presidente do Diretório Municipal. Entre 1990 e 1992 foi presidente do diretório Municipal do PRS, partido do governador Hélio Garcia. Em 1992 se candidatou a prefeito pelo PST, onde foi presidente do partido no município. Entre 1993 e 2000 esteve filiado ao PPS. Filiou-se em 2000 no PTB, onde ficou até 2004. Em 2004 se candidatou a vice-prefeito pelo PMN. Em 2008 retorna ao PPS. Em 2012 apresentou sua filiação ao PDT.

Durante o cargo de vice-prefeito ocupou a Chefia do Departamento de Educação e Cultura, de 15 de fevereiro de 1989 até 2 de junho de 1992. Voltou posteriormente a ser Secretário Municipal de Educação entre 9 de janeiro e 21 de março de 2001 e depois entre 1º de abril e 31 de maio de 2004, na gestão do prefeito Sérgio Arlindo Cerávolo Paolielo.

Em sua atuação como dirigente da Educação Municipal de 1989 a 1992 foi responsável pela implantação do Transporte Escolar Rural, antes mesmo de se tornar um projeto nacional; ofereceu cursos de formação continuada aos professores; criou o Curso Técnico em Administração na EM Dr. José Januário de Magalhães; iniciou a construção da escola municipal no Brejo Alegre, onde seria uma escola em tempo integral inspirada no projeto de Leonel Brisola no Rio de Janeiro. Entre outras ações criou e construiu novas escolas no meio rural, trouxe o SENAC para Muzambinho, construiu várias quadrads de jogos e recreação, ampliou o acervo da Biblioteca Municipal  Machado de Assis, implantou aulas de Teatro nas escolas municipais, criou pequenas bibliotecas nos bairros rurais, criou hortas escolares, ampliou e renovou móveis e prédios de toda a rede física. Segundo o então prefeito, Dr. Marco Régis de Almeida Lima, “apresentou um desempenho criativo, dedicado e probo, merecendo meu inequívoco e profundo reconhecimento pela colaboração prestada a esta administração”. Em sua pequena passagem em 2001 pela Secretaria de Educação iniciou o processo de nucleação e promoveu reformas nas escolas da Barra Bonita e Bom Retiro, e deu os primeiros passos para a reforma da escola das Três Barras.

Participou de muitas associações. Foi orador e diretor esportivo do Grêmio Estudantil Social Artístico e Literário do Colégio Estadual  de Muzambinho nas décadas de 50 e 60; presidente do Time Azul nos Jogos Azul e Vermelho por três vezes nas décadas de 50/60; orador do Clube Recreativo de Muzambinho em 1977 e 1978; secretário do Lion Club de Muzambinho entre 1968 e 1970; secretário da Liga Muzambinhense de Desportos de 1978 até o início dos anos 80; membro da Loja Maçônica Deus, Caridade e Justiça de Muzambinho de 6 de maio de 1975 até 1978; membro da diretoria da Fundação Educacional Muzambinho por 40 anos; membro da diretoria da Academia Muzambinhense de Letras desde sua fundação.

No Futebol teve atuação intensa, sendo fundador, presidente e treinador de dois times: Clube Atlético Muzambinho (1961-1988) e Condores Futebol Clube (1966-1984), com muitos títulos e campeonatos em divisões menores. Foi presidente entre 1989 e 1992 do Independente Futebol Clube, inclusive quando o time esteve na 3ª divisão do Campeonato Mineiro em 1990.

Recebeu várias homenagens: Diploma de Sócio Benemérito da Fundação Educacional de Muzambinho, conferido em 2 de junho de 1971; Certificado de Reconhecimento do Ministério da Fazenda – Secretaria da Receita Federal, por ter contribuído com o programa Contribuinte do Futuro, conferido em 10 de novembro de 1977; Homenagem da Escola Municipal Dr. José Januário de Magalhães pela sua dedicação ao ensino em 15 de novembro de 1989; Homenagem da Escola Superior de Educação Física de Muzambinho em 14 de junho de 1991; Diploma de Benemérito da Escola Superior de Educação Física de Muzambinho pelos relevantes serviços prestados em prol da Escola em 31 de agosto de 1991; Agradecimento pelo constante apoio a Escola Superior de Educação Física de Muzambinho, conferido em 16 de março de 1992; Homenageado pela Escola Municipal Dr. José Januário de Magalhães de Muzambinho pela XXVIII Semana do Contabilista e II Semana da Administração em 31 de maio de 1992; Homenageado pela Escola Municipal  Dr. José Januário de Magalhães em “reconhecimento pelo seu trabalho e pela criação do curso Técnico em Administração” em 19 de dezembro de 1992; Homenageado pelos Jogos da Juventude – JOJU – “por ter sido, em Muzambinho, baluarte no esporte de quadra”; Agradecimento pela Correção Sintático-Ortográfica da Lei Orgânica municipal em 1998 e parabenização pela participação em sua criação enquanto Vice-Prefeito de 1989 a 1992 concedida pelo Dr. Luiz Fernandes Francisco, presidente da Câmara, em 30 de novembro de 1998; Homenagem pela Correção Sintático-Ortográfica da Lei Orgânica Municipal em 1998 e do Regimento Interno da Câmara Municipal em 2001, concedida pelo Dr. Luís Fernandes Francisco, presidente da Câmara, em 30 de novembro de 2002; Homenagem pelo Mérito de seu desempenho como educador – Muzambinho – MG de dezembro de 2002, conferido pela EE Prof. Salatiel de Almeida.

Recebeu várias homenagens de estudantes: Homenagens dos Formados do 3o Colegial B da EE Prof. Salatiel de Almeida – Muzambinho – MG – 18/12/1992 como Patrono; Homenageado pela 1a Turma de Formandos Técnico Administração de Empresas de Muzambinho – MG – pela Escola Municipal Dr. José Januário de Magalhães em 19/12/1992; Homenagem dos Formandos do 3o CC da EE Prof. Salatiel de Almeida de Muzambinho – MG – conferida em 15/12/1995; Homenagem dos Formandos do 3o CB de 1996 da EE Prof. Salatiel de Almeida de Muzambinho – MG – conferida no final de 1996; Homenagem dos Formandos de 97 da EE Prof. Salatiel de Almeida de Muzambinho – MG – conferido no final do ano de 1997; Homenagem dos Formandos do 3o Colegial D da EE Prof. Salatiel de Almeida de Muzambinho – MG, concedido em dezembro de 1998; Homenagem dos Formandos em Contabilidade da E.M. Dr. José Januário de Magalhães – Muzambinho – MG no final do ano 2001; Homenagem dos Formandos 2001 do 3oMC da EE Prof. Salatiel de Almeida – Muzambinho – MG no final do ano 2001. E inúmeras outras vezes sem registro.

Recebeu importantes Medalhas e Comendas: Medalha de Mérito Prof. José Mariano Franco  de Carvalho, concedida pela Câmara Municipal de Muzambinho em 1992; Certificado da Medalha de Méritos da Câmara Municipal de Muzambinho, conferido em 27 de novembro de 1993, por relevantes serviços prestados à comunidade como Presidente da Câmara; Medalha da Ordem do Mérito Legislativo – Mérito Especial, conferida em 13 de novembro e entregue em 15 de dezembro de 2000, pela Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais, medalha criada para “galardoar as pessoas físicas e jurídicas, nacionais e estrangeiras, que, pelos seus serviços ou mérito excepcional, tenham-se tornado merecedoras do especial reconhecimento da Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais”; Medalha Uriel Tavares, concedida em 30 de novembro de 2019 pela Academia Muzambinhense de Letras.

Também atuou no ramo empresarial, possuindo uma Olaria de Tijolos nos anos 80. Em 1993 fundou, em setembro, a Arcádia Vídeo, que encerrará suas atividades em 2021. Se manteve trabalhando a vida inteira, desde a infância, quando foi engraxate, auxiliar de alfaiate, trabalhou em balcões, atuando como professor de 1963 a 2002, 40 anos de atuação.

José Sales é meu pai. Minha referência de herói. Ainda há muito a buscar e registrar sobre ele, em inúmeros artigos de jornal, atas e depoimentos a serem coletados e organizados. Segui muito de seus passos. Como ele, sou professor, e atuo na EE Prof. Salatiel de Almeida; fiz faculdade no mesmo lugar que ele, a Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Guaxupé; fui eleito vereador (não com o mesmo brilhantismo que eles em número de votos) e também fui escolhido presidente da Câmara, tendo o orgulho de dividir a mesma parede de fotos com meu pai. Sempre foi uma inspiração, um exemplo.

Fonte Biografia: http://profotavio.blogspot.com/2020/12/jose-sales-de-magalhaes-filho.html

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *