• muzambinho.com.br
  • muzambinho.com.br
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Chuva de meteoros: saiba como assistir nesta sexta (29/7)

Redação29 de julho de 20223min0
ezgif-3-0015800596
Nas condições ideais, céu limpo e pouca iluminação artificial, cerca de 20 estrelas cadentes poderão ser vistas por hora

A chuva de meteoros Delta Aquaridas, que teve início no dia 21 julho e segue até 10 de agosto, terá seu ápice na noite desta sexta-feira (29/7), de acordo com a Agência Espacial Americana (NASA).

Descoberta em 1986 por Donald Machholz, a tempestade poderá ser vista das 23h às 4h. Se o céu estiver limpo, e caso observado de áreas rurais longe de iluminação urbana intensa, o espetáculo fica ainda melhor.

A trilha de detritos passa pela primeira vez na Terra. Nas condições ideais – céu limpo e pouca iluminação artificial – cerca de 20 estrelas cadentes poderão ser vistas por hora. O fim da chuva de meteoros será em 21 de agosto, até lá, ficará mais visível no Hemisfério Sul.

De acordo com informações da Organização Internacional de Meteoro (OIM), a Lua poderia atrapalhar o espetáculo. Porém, nesta sexta-feira, 29, a Lua passa da fase nova para crescente, ou seja, ainda não estará muito visível da Terra.

A NASA oferece mais recomendações para assistir ao evento:

  • Paciência, os olhos precisam se acostumar ao escuro para conseguir realmente enxergar os meteoros com clareza. Em cerca de 30 minutos, eles se adaptam.
  • Oponto de referência para visualização é a constelação de Aquário, de onde os meteoros parecem vir.

Chuva de meteoros

Uma chuva de meteoros acontece quando a Terra é interceptada por algum conjunto de detritos que foi quebrado, ou seja, um cometa em vários pedaços.

O que é chamado de ápice de observação é justamente o momento que a Terra passa pela parte mais densa dos destroços, com maior quantidade de pedaços.

De acordo com a NASA, cerca de 40 toneladas de meteoros caem na Terra todos os dias, porém, a maior parte disso tudo fica retida na atmosfera.

Os meteoros que passam pelo impacto da atmosfera são chamados de meteoritos, e todas as vezes que essa quantidade de meteoritos aumenta, acontece o que chamamos de chuva de meteoros.

Fonte: Portal UAI

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *