• muzambinho.com.br
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • muzambinho.com.br

Amamentação infantil: não existe “leite fraco”, garantem especialistas

Redação3 de agosto de 20222min0
ffraz_abr20180811_1304
Nossa, seu bebê chora demais....Tá tão magrinho...seu leite tá fraco. Por que você não dá uma comidinha, um chá?

Tainara Barbosa é mãe da pequena Débora, de 9 meses, e conta que já ouviu muito essas dicas infalíveis. Como a neném acorda nas madrugadas e não ganha muito peso, família, amigos e até profissionais de saúde diziam que o leite materno não era suficiente. Ainda assim, Tainara não desistiu de amamentar e conseguiu seguir com aleitamento exclusivo até a Débora completar 6 meses de vida. E hoje, continua amamentando. Mas conta que os pitacos, sem nenhum fundamento científico, continuam.

Não existe leite materno fraco. Isso é o que garante profissionais de saúde que atendem bebês e crianças. A pediatra Mayra Aguirre explica que esse é mais um mito da maternidade. O leite materno é o alimento mais completo para os bebês, com uma composição que inclui anticorpos, nutrientes, agentes anti-inflamatórios, gorduras e proteínas. Ela destaca que a causa do choro excessivo dos bebês ou o ganho insuficiente, normalmente, estão ligados a uma maneira errada do bebê mamar.

A doutora Mayra destaca a importância das mulheres terem uma rede de apoio eficaz no pós- parto já que a amamentaão não é fácil para todas as mães. E o mais importante: buscar ajuda quando necessário.

As mães que tiverem dificuldade para amamentar podem procurar o pediatra do seu bebê, o banco de leite da sua cidade ou ir até a maternidade onde foi feito o parto para orientações.

Fonte: Rádio Agência Nacional

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *