• Muzambinho.com
  • loja.muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • muzambinho.com.br

Nota de 5 reais com detalhe na numeração pode valer mais de R$ 400; ENTENDA

Redação20 de maio de 20243min0
nota-5-reais
O modelo em questão, possui um asterisco antes da numeração da cédula, encontrado na parte inferior direita da nota e foi criada em cédula de 1994

Quem não gostaria de ter  na carteira uma nota de R$ 5 que vale muito mais do que o valor original? Pois é, isso pode ser uma realidade para alguns sortudos que possuem uma nota especial da primeira família do real, que circulou lá em 1994.

O modelo em questão, possui um asterisco antes da numeração da cédula, encontrado na parte inferior direita da nota  e foi criada em cédula de 1994. Uma nota de R$5 com essa característica e em bom estado de conservação pode facilmente alcançar um valor estimado em torno de R$ 400.

Conforme assinala André Rigue, especialista da comunidade numismática – ciência que estuda cédulas e moedas do Brasil e do mundo, “”essa foi uma cédula de reposição e tem uma tiragem menor, por isso é diferente das cédulas comuns de 5 reais que vemos por aí”, esclarece.

Além de apresentarem um alto valor em termos monetários, podem ser verdadeiras raridades para colecionadores que cada vez buscam fechar seu acervo.

Outras notas valiosas

Além da nota de R$5, outras cédulas ainda podem ser muito valiosas mesmo ‘não parecendo’. É o caso de uma nota de R$10 que – também por possuir um asterisco em sua numeração – representa um valor maior do que o número que está impresso no papel.

Segundo André Rigue, a nota de R$ 10 pode ser adquirida por um colecionador por até R$ 4 mil dependendo do estado de conservação. “Muitos pensam que a cédula de R$ 10 mais valiosa é aquela de plástico, mas tem modelos antigos bem mais visados”, pontua.

Além de detalhes, como símbolos na numeração, até mesmo um erro pode tornar seu dinheiro valioso, como é o caso da moeda de 50 centavos que, por um equívoco na impressão, foi emitida como sendo de 5 centavos, mas que hoje pode valer até R$ 1,8 mil.

Com informações de SoCientífica .

Fonte: O Tempo

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Aki Tem Muzambinho

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *