• Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Grão de Ouro
  • Muzambinho.com
  • Café Santa Cruz

Equipamento que transforma lixo orgânico em energia chega ao Brasil

Gerson Dias14 de agosto de 20185min0
Image001
HomeBiogas produz até três horas de gás por dia utilizando resíduo alimentar e promove reciclagem inteligente

O material orgânico corresponde a 52% do volume total de resíduos produzido no Brasil, segundo dados do IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), e na maioria das vezes é destinado a aterros sanitários sem qualquer tratamento. Contudo, há diversas formas de reaproveitá-lo no dia a dia, desde o simples ato de separá-lo de outros materiais e enviar à reciclagem, até a prática da compostagem. Um equipamento que chega ao Brasil este ano reutiliza esse lixo de forma ainda mais criativa e benéfica, com impactos socioambientais e na saúde pública, incentivando uma reciclagem inteligente, ajudando populações com saneamento básico precário e estimulando a erradicação do uso de carvão para cozinhar.

Criado por uma empresa israelense e já presente em mais de 70 países, o HomeBiogas (www.homebiogas.com.br) utiliza os restos de alimento para produzir energia em forma de gás, que pode ser empregado no dia a dia. O aparelho é um sistema autônomo e projetado para ser DIY, ou seja, o próprio consumidor prepara seu funcionamento de forma rápida e fácil. Para começar, é preciso estimular a reprodução de bactérias, que ficam no biodigestor. Basta adicionar 100 litros de estrume animal e água e, em até duas semanas, o gás começa a ser produzido, fica armazenado e já pode ser empregado na cozinha. A partir deste substrato, é possível produzir até 3 horas de gás para consumo diário.

Como subproduto, há um biofertilizante líquido, orgânico e natural, que é ideal para jardinagem e agricultura em pequena escala. “Outro grande diferencial do HomeBiogas é que ele recebe qualquer tipo de lixo orgânico, incluindo óleos e frituras, e não só legumes, vegetais e frutas in natura”, acrescenta Leandro Toledano, representante da marca no Brasil. Ele ressalta que o usuário só precisa se preocupar em manter a umidade, para garantir a atividade biológica.

Impacto socioambiental

Além de ajudar na economia de energia, o HomeBiogas tem importante papel na proteção do meio ambiente. Apenas um sistema já reduz até seis toneladas de emissão de gás por ano e, com a diminuição do lixo destinado a aterros, caem os gastos com transporte e espaço nos lixões. E mais: substitui o carvão, ainda muito usado por populações em todo o mundo, reduzindo o desmatamento e solucionando problemas de saúde – segundo a ONU, são 4,3 milhões de mortes anuais causadas por complicações respiratórias relacionadas ao carvão.

O sucesso do aparelho é atestado mundialmente, como nos Estados Unidos, Austrália e em países da África. “A energia passa a ser quase que de produção autônoma em regiões isoladas, que sofrem com problemas de saneamento básico, iluminação, educação, produção e manutenção da produção do próprio alimento. No Brasil, temos que conscientizar a população como um todo e ajudar regiões precárias”, diz Toledano.

Projetado para uma família de, em média, oito pessoas, que resida em casa (não foi desenvolvida uma versão para apartamentos), o HomeBiogas terá o custo de R$ 5.900. “É um equipamento fácil de usar, que exige pouca manutenção e tem grande durabilidade. Seu potencial de impacto socioambiental é gigantesco, levando a sustentabilidade para dentro e fora das casas”, afirma o empresário.

Sobre o HomeBiogas
Equipamento que reutiliza rejeitos orgânicos para gerar gás para cozinha e um fertilizante líquido natural como subproduto. Com 3 kg de lixo despejados por dia, é possível gerar três horas de consumo de gás. Entre os benefícios, além da reciclagem e a economia de energia, estão os impactos na saúde, com a redução do uso de carvão e o emprego em sistemas de saneamento básico. Foi criado por uma empresa israelense e chega ao Brasil na metade de 2018. www.homebiogas.com.br.

Release – Press Works

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Deixar um Comentário

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *