• Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Bombeiros trabalham na retirada de vítimas da queda de caminhão em rio da BR-381

Redação14 de janeiro de 20212min0
OTempoJMolevade
Como a visibilidade no local é praticamente nula e não foi possível perceber onde exatamente o caminhão estava apoiado, os bombeiros usam o tato para tentam chegar às vítimas

Cinco mergulhadores do Corpo de Bombeiros estão no rio Piracicaba, na manhã desta quinta-feira (14), para retirar as quatro vítimas da queda de um caminhão que da Ponte Torta, na BR-381, em João Monlevade. O acidente ocorreu na tarde desta quarta-feira (13).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o caminhão está a 20 metros de profundidade. Com essa submersão, segundo os bombeiros, a visibilidade é praticamente nula. “O trabalho é feito todo no tato e não foi possível perceber onde exatamente o caminhão estava apoiado e se estava de fato estabilizado (o que aumenta muito o risco do trabalho). Um guincho foi acionado para auxiliar na estabilização e no arrastamento do veículo”, informou a corporação.

As vítimas são quatro funcionários de uma pedreira em Jaguaraçu, no Vale do Aço. Carlos Sebastião Félix, Herivelton Damasceno Cardoso, Marciano Carvalho Abreu e José Geraldo Anísio Leite tinham saído da pedreira com destino a cidade de Rio Piracicaba, também no Vale do Aço, para fazer um serviço de pavimentação da rua, quando sofreram o acidente.

A suspeita é que o motorista tenha perdido o controle do veículo e por isso o caminhão caiu no rio. O local, conhecido como Ponte Torta, é o mesmo onde a queda de um ônibus matou 19 pessoas em dezembro de 2020.

Fonte: O tempo – https://www.otempo.com.br/

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *