• loja.muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • muzambinho.com.br
  • Muzambinho.com

‘Produtores rurais não são culpados pelas mudanças climáticas’, diz Faemg

Redação21 de dezembro de 20233min0
Seca171254
Presidente Antônio de Salvo ressalta em coletiva da instituição que Brasil tem 66,3% de seu território preservado

As mudanças climáticas, de acordo com o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Minas Gerais (Faemg), Antônio de Salvo, são um assunto “que até faz os produtores rurais se ajeitarem na cadeira”. Recém-chegado da COP-28, em Dubai, onde participou de painéis, junto com o secretário de Estado da Agricultura e Pecuária, Thales Fernandes, ele disse ter ido dar um recado claro: “não somos os vilões das mudanças climáticas”.

Na coletiva em que fez um balanço do ano, no início da semana, na sede da instituição, em Belo Horizonte, o presidente disse que a experiência em Dubai o fez ter certeza de que “o Brasil é sem sombra de dúvida, um dos poucos países do mundo que tem 66,3% de área preservada. Só não vou dizer que somos o único, pra não ficarmos muito em cima do pedestal. Mas, afirmo que nenhuma outra nação tem algo parecido com isso. Além de produzirmos alimentos para 215 milhões de pessoas ao redor do mundo, trabalhamos de forma sustentável e ainda geramos superávit. Quase todas as nossas atividades são carbono neutro ou carbono positivo. Temos créditos de carbono”, ressaltou.

Código Florestal

“Não existe Código Florestal em outros países porque eles têm, em média, 5% de área preservada. Preservar o que? Com todo o respeito àquela ONG, não venha nos ensinar como é que preserva”

Combustíveis Fósseis X Etanol

“A França não tem energia. Não me venham com essa conversa de carro elétrico, gerando energia às custas do carvão mineral? Nós temos 85% da nossa matriz energética renovável. Temos o etanol como uma grande saída para o carro híbrido e para atenuar os gases de efeito estufa”.

‘Não somos os culpados’

Então, o Brasil precisa de um posicionamento mais firme nessas discussões climáticas porque o mundo quer e precisa continuar produzindo e nós precisamos dizer que nós não somos os culpados. Pelo contrário, nós somos a solução. São as plantas que estão dentro das nossas propriedades, através da fotossíntese, que vão amenizar os efeitos dos gases estufa. Absolutamente, não somos responsáveis por esse pesadelo das mudanças climáticas e precisamos não ter vergonha de dizer isso”.

por Maria Teresa Leal

Fonte: Itatiaia

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Aki Tem Muzambinho

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *