• Muzambinho.com
  • muzambinho.com.br
  • loja.muzambinho.com
  • Muzambinho.com

Vacina mineira contra covid-19 recruta voluntários para penúltima etapa de testes

Redação29 de dezembro de 20237min0
vacina-2-088427c788
É necessário participar de acompanhamentos clínicos em Belo Horizonte e ter entre 18 e 85 anos para ser voluntário

A SpiN-TEC, vacina mineira contra a covid-19, chegou à segunda e penúltima etapa de testes clínicos com humanos. Resultado de parceria entre a Prefeitura de Belo Horizonte e a Universidade Federal de Minas Gerais, a vacina pode se tornar a primeira 100% brasileira contra covid-19. O estudo agora recruta voluntários para etapa atual.

Como ser um voluntário?

São necessários 360 voluntários, entre homens e mulheres de 18 a 85 anos, nesta etapa. Para participar, os voluntários precisam atender a algumas exigências:

  • Adulto saudável, entre 18 e 85 anos;
  • Se mulher, não estar grávida ou amamentando;
  • Os voluntários devem ter recebido, até maio de 2023, as doses iniciais de CoronaVac ou AstraZeneca e o reforço com Pfizer ou AstraZeneca;
  • Não ter contraído a covid-19 há, pelo menos, seis meses;
  • Participar dos acompanhamentos presenciais, realizados nos centros de pesquisa em Belo Horizonte.

Pessoas com doenças crônicas controladas (hipertensão, diabetes e outras) podem se inscrever, mas passarão por avaliação médica para verificar se estão aptas a participar dos testes clínicos.

As inscrições devem ser feitas por meio de formulário disponibilizado. Para mais informações, entre em contato pelo WhatsApp (31) 99972-0292 ou pelo telefone (31) 3401-1152.

SpiN-TEC
Nome da vacina faz referência a dois componentes do vírus

CT-Vacinas (UFMG) | Reprodução

Histórico do imunizante

O estudo e resultados da primeira etapa já foram aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Em 2021, a Prefeitura de Belo Horizonte garantiu patrocínio de R$ 30 milhões para o financiamento de duas etapas da vacina.

Em declaração, o secretário municipal de Saúde, Danilo Borges, destaca a importância da SpiN-TEC para o país; ‘O Sistema Único de Saúde foi colocado à prova durante a pandemia e demonstrou toda a sua potência. Mais uma vez, vem do setor público e da ciência esse avanço tão importante. Pela primeira vez, um imunizante totalmente brasileiro pode fazer parte do calendário nacional de vacinação’, declarou Borges.

Fonte: Itatiaia

  • Muzambinho.com
  • Muzambinho.com
  • Aki Tem Muzambinho

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *